Forçado a adiar a sua quinta edição, o Vagos Metal Fest anunciou os seus primeiros planos para 2021. O festival vai-se realizar nos dias 29, 30 e 31 de Julho do próximo ano na Quinta do Ega, em Vagos.

Os noruegueses Dimmu Borgir (na foto) são a grande novidade no cartaz, por não figurarem na edição planeada para 2020. Uma das maiores bandas de black metal sinfónico encabeça então o primeiro dia do festival, substituindo os polacos Behemoth que não puderam reconfirmar o seu regresso a Vagos.

Também nome maior do black metal norueguês, os Emperor estão novamente certos no Vagos Metal Fest para o último dia. Uma estreia absoluta em solo português, agora marcada para o dia 31 de Julho do próximo ano. Já os norte-americanos Testament, gigantes do thrash metal, completam o lote de headliners do festival, com concerto a 30 de Julho.

Para além dos três nomes grandes, estão também já garantidas a presença de outras bandas de relevo no panorama internacional de metal. É o caso dos holandeses Asphyx, dos canadianos Kataklysm e Unleash The Archers, dos noruegueses Trollfest, dos australianos Harakiri For The Sky ou dos norte-americanos Nekrogoblikon.

A dar continuidade na aposta da organização em talentos emergentes e outros nomes já consagrados no circuito underground nacional, estão já confirmadas também as presenças de The Ominous Circle, Pitch Black ou Sotz’, por exemplo, entre outros nomes.

Os bilhetes diários (40 euros) e os passes gerais (85 euros) do festival podem ser adquiridos nos locais habituais. Os bilhetes para a edição de 2020 mantêm-se válidos para esta edição.

Leave a Reply

Your email address will not be published.