Depois da estreia em solo nacional na última edição do SonicBlast Moledo, os Naxatras voltaram a Portugal para dois concertos integrados na sua mais recente tour europeia. Por cá, a festa começou a 19 de Abril com a subida dos gregos ao palco do RCA Club, em Lisboa. No dia seguinte, a banda subiu até ao Porto e celebrou o 4/20 no Hard Club junto do público da invicta.

Desde Vizela, os Jesus The Snake vieram até Lisboa fazer as honras de abertura da noite de psciadelismo que se adivinhava. Traziam consigo não só o EP homónimo, lançado em 2017, mas também novas malhas que farão parte de um novo álbum “quase a sair”. A casa foi enchendo e os presentes aplaudiam efusivamente o quarteto bracarense. O ligeiro atraso aquando da subida acabou por encurtar o tempo da actuação que, ainda assim, conseguiu nota bem positiva, a julgar pela reacção do público.

Num ambiente bem diferente e com uma duração total do set consideravelmente superior à que tiveram o ano passado no SonicBlast, o esperado psicadelismo não desapareceu mas trouxe consigo uma surpreendente energia extra que não nos tínhamos dado conta aquando da estreia dos Naxatras em Portugal. Com o aclamado III (2018) ainda na bagagem, os cerca de 100 minutos de actuação foram suficientes para desfilar por toda a discografia e deixar a sala – que entretanto até tinha esgotado – em êxtase com os temas mais aguardados. As poucas palavras proferidas serviam para agradecer ou brindar com o público lisboeta, que não parecia deixar de querer mais. Já perto do fim, uma menção ao mítico Boom Festival antecedeu “All The Stars Collide Into A Single Ray” naquele que foi o culminar do momento trance da noite. Foi assim que o trio grego saiu de palco mas a banda acabou por voltar pouco depois para um encore que conseguiu algu mosh nas filas da frente e terminou com “The Great Attractor”.

Texto: Bruno Correia

Fotografia de capa, não correspondente ao concerto reportado, com direitos reservados a Anastacia Papadaki/More Fuzz – Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published.