Já foi de Gaia para o centro do Porto, já recebeu milhares de concertos e agora faz vinte anos um local de referência da música ao vivo em Portugal – o Hard Club sopra as velas nos dias 16, 17 e 18 de Dezembro.

Para este efeito há dois nomes grandes no line-up de celebração. Manel Cruz joga em casa no dia 15 e Orelha Negra (na foto) mostram o novo disco homónimo à cidade invicta no dia 16. A juntarem-se a estes nomes estão as recuperadas Rubber Sessions e O Bom, o Mau e o Azevedo (dia 15); chamam-se Conjunto Corona e Ermo para prolongar os beats (dia 16) e ainda há matiné punk no dia 17 para assistir o documentário Enterrado na Loucura, seguindo-se concerto de Patrulha do Purgatório. As hostilidades são fechadas com com o espectáculo Conta-me Histórias com os convidados ZEN.

Na agenda está ainda uma edição especial do Urban Market de 14 a 17 de Dezembro entre as 11h as 19h e ainda uma exposição fotográfica dos vinte anos da sala.

Os bilhetes custam 15 euros para dia 15 ou 16. Já para dia 17 a entrada custa 5 euros.

Leave a Reply

Your email address will not be published.