Está fechado o cartaz da quinta edição do Mucho Flow. O festival, que decorre a 7 de Outubro no CAAA em Guimarães, vê acrescentadas oito novidades com forte aposta na música contemporânea, algo que tem sido recorrente ao longo do percurso deste Mucho Flow.

Em destaque nestes acertos finais do line-up está Dedekind Cut (na foto), o novo alter-ego de Fred Warsley, outrora também conhecido como Lee Bannon. Figura essencial no colectivo Pro Era e proeminente na construção de breakcore, ambient e noise, foi pela Ninja Tune que lançou o brilhante Alternate/Endings em 2014. A fasquia voltou a subir no ano passado, com o lançamento de $ucessor, colocado ao lado de nomes como Tim Hecker ou Moor Mother nas melhores obras experimentais do ano.

Mantendo os registos dançantes, soma-se a confirmação de Sega Bodega, produtor escocês que apresentará 34, o EP de estreia, depois de primeiras partes para nomes como Lil B ou SBTRKT. O lote de anúncios fecham-se com um contingente nacional, do pop onírico de Filipe Sambado ao ié-ié minhoto de El Señor, passando pelo punk de perder as estribeiras de 800 Gondomar, pela cumplicidade de Veer e ainda pelas novidades de Młynarczyk e Dada Garbeck.

Estes nomes juntam-se aos previamente confirmados Horse Lords, Nadia Tehran, God Colony + Flohio, Scúru Fitchádu, Chinaskee & Os Camponeses e, claro, o residente DJ Lynce. Fica encontro marcado? 7 de Outubro, CAAA, Guimarães. Há Mucho Flow.

Leave a Reply

Your email address will not be published.