Já se estão a tornar num hábito as celebrações anuais do grind e do XXX e se há algo que tem vindo a aumentar exponencialmente nestes últimos anos é mesmo isso. Para nós é uma lufada de ar fresco no campo festivaleiro, tanto o formato como o conceito do XXXicken Party, um festival inteiramente dedicado ao grind e ao death metal e que promete trazer grandes nomes do género, tanto nacionais como internacionais, a Cantanhede, mais propriamente no Rex Club, nos dias 21, 22 e 23 de Julho.

Digamos que a promessa foi cumprida. O cartaz acaba de ser revelado na sua totalidade e conta com a presença de nomes tão sonantes como os norte-americanos Cephalic Carnage (na foto), que regressam ao nosso país para uma data exclusiva em solo europeu, os trio lendário do death/grind alemão Dead, que irão trazer consigo um novo álbum na bagagem – A Dirty Mind Is A Joy Forever, a ser editado a 7 de Julho pela F.D.A. Records -, e seus conterrâneos Milking The Goatmachine, que trazem o seu novíssimo Milking In Blasphemy para uma dose de death metal e cabras.

O cartaz não pára aqui e ainda conta com bandas como os igualmente alemães Slamentation, Placenta Powerfist e Sadistic Emergency, os franceses Sublime Cadaveric Decomposition e Ass Deep Tongued, os holandeses Inhume e Braincasket, os eslovacos Craniotomy, os italianos Spermbloodshit e Rabid Dogs, os espanhóis Gruesome Stuff Relish, Mixomatosis e Reincarnation, os finlandeses Cumbeast, os britânicos Basement Torture Killings, Sodomized Cadaver e CxBxFxIxHxFxLxFxRxE (ou Catastrophic Blunt Force Intracranial Haemorrhage Fluid Leaking from Ruptured Eardrums para os amigos), os romenos Necrovile e os checos Rectal Depravity, todas estas como parte das propostas internacionais do festival.

Mas como não é só de bandas estrangeiras que se faz um festival, temos também os nossos Serrabulho, Raw Decimating Brutality, Dead Meat, Undersave, Vai-te Foder, Shoryuken, Nihility e Burned Blood, que se irão juntar à festa já no final do próximo mês.

Como se não bastassem todos estes concertos, e sendo que o recinto é nada mais nada menos que um bowling club, estarão ao dispor dos celebrantes outros entretenimentos como pistas de bowling – como seria de esperar -, salas de jogos, piscina e ainda praia a menos de 20 minutos do local.

Os passes gerais para o festival, que terá campismo gratuito, valem 55 euros e os diários 28 euros. Ambos podem ser adquiridos através do site do festival, enviando mail para a promotora ([email protected]) ou na porta no dia do evento. De notar que na porta os passes gerais valerão 60 euros. Vemo-nos por lá?

Leave a Reply

Your email address will not be published.