O melhor da música portuguesa regressa à Aldeia de Cem Soldos, em Tomar, de 11 a 14 de Agosto para nova edição do festival Bons Sons. A tomar conta da aldeia estarão cerca de 40 actuações divididas por oito palcos com programas distintos, feira de artesãos, exposições de arte, um espaço para crianças, comida tradicional e outras actividades a preencher as ruas de Cem Soldos.

A diversidade do cartaz para 2017 espelha a amplitude da música portuguesa de valência, percorrendo o fado ao indie rock, alimentando-se do acústico ao electrónico e ainda com o habitual espaço para a música tradicional.

Os destaques maiores deste Bons Sons vão da composição de Rodrigo Leão ao hiphop de Orelha Negra, percorrem a distorção de Mão Morta com o seu Mutantes S.21 a celebrar 25 anos, entoam as canções de Capitão Fausto e Samuel Úria, dão voz ao fado do regressado Paulo Bragança e bebem o blues de Frankie Chavez, havendo ainda lugar para nomes contemporâneos de paisagem tradicional, ou vice-versa, como Virgem Suta, Né Ladeiras e Medeiros/Lucas.

No cartaz figuram ainda Holy Nothing, Glockenwise, Throes + The Shine, The Poppers, Octa Push, Thunder & Co., Filipe Sambado, Captain Boy, Surma, entre muitos outros. Consulta toda a programação diária do Bons Sons, aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published.