O Westway Lab Festival parte para a sua quarta edição no berço da nação. O evento que junta residências artísticas a concertos e talks/conferências realiza-se de 5 a 8 de Abril, com as residências a iniciarem a 27 de Março e a estenderem-se até dia 4 de Abril.

Pronto para uma realidade aumentada, este Westway Lab 2017 carrega-se sobre a multi-disciplina do cinema com uma parceria com o conceituado South By Southwest Festival (SXSW). Mas falando daqui que move em torno deste Westway, a música arranca com showcases colaborativas no Café-Concerto do Centro Cultural Vila Flor (ou CCVF, para facilitar) nos dias 5 e 6 de Abril. Em cartaz estão Jaran com Yafeni, Buslav com Urso Bardo, The Mondanes, The Courettes com Nick Suave, Pedro Coquenão (Batida) com Guillermo (Primitive Reason) e Juju (Terrakota) e os noruegueses Yuma Sun. Também no CCVF, mas a 7 de Abril, o Grande Auditório abre as portas a Quest (projecto de Joana Gama e Luís Fernandes) em colaboração com a Orquestra de Guimarães, antes de receber o polaco Buslav a solo.

Para o último dia há de tudo. Os city showcases vão tomar lugar em vários pontos de Guimarães, como o CAAA, Convívio Associação Cultural, Bar da Ramada e All Guimarães a serem novidade. Nestes palcos vão desfilar nomes como Adée, Ohrn, Joel Sarakula, Cristóvam, Maybe Canada, The Jooles, Serushiô e Vienna Ditto. Depois de terminada a música nas ruas da cidade, o Westway Lab concentra-se novamente no CCVF para a recta final – Lince, You Can’t Win, Charlie Brown, os norte-americanos XIXA (na foto) e :papercutz. Info detalhada, aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published.