Os dias 3 e 4 de Fevereiro pautam no calendário a segunda edição do Camarro Fest, festival que reencontra a tradição metaleira com a cidade do Barreiro.

Numa primeira edição em Fevereiro de 2016, a SIRB Os Penicheiros recebeu nomes como Switchtense, Ibéria, Besta e Martelo Negro, preenchendo assim em forma de festival um vazio que perdurava na cidade desde o desaparecimento do Barreiro Metal Fest. É no mesmo local que se parte agora para esta segunda edição com uma maior extensão de linguagens de peso nacional.

E a prova disso é que o punk marcará presença – quem mais que os icónicos Mata Ratos, uma banda que anda nisto da descarga sonora há 35 anos – ao lado de nomes do black metal, como Decayed, e do grind, como Holocausto Canibal e Grog. Espaço claro também para a força monolítica do post-doom de Process Of Guilt (na foto), banda que encabeça o festival a par dos punks e que se prepara para o capítulo Black Earth na sucessão do aclamado FÆMIN de 2012.

Outros nomes familiarizados com o doom, como Sinistro e A Tree Of Signs, também figuram no cartaz, que se fecha com o groove do rock de Dollar Llama e o hard’n’heavy dos experientes Affäire e dos jovens Skyard, estes últimos a jogar em casa. As noites prosseguem com DJ sets de Nuno Silva e Twisted Sisters.

O Camarro Fest acontece então nos dias 3 e 4 de Fevereiro na SIRB Os Penicheiros, local bastante central da noite barreirense. O passe geral custa 18 euros enquanto o bilhete diário se fica pelos 10 euros. Existe ainda um pack especial que inclui o passe geral, uma t-shirt, um copo e duas bebidas por 23 euros. Os horários do festival já podem ser consultados, aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published.