Nos próximos dias 17, 18 e 19 de Novembro o rock e o psicadelismo reencontram-se com a histórica cidade de Évora. O Black Bass, festival que seguia com o subtítulo Évora Psych Fest, deixou cair o “Psych” mas continua a tê-lo sonicamente pelo line-up que apresenta este ano.

O corpo principal do festival decorre na SOIR – Joaquim António d’Aguiar, concentrando por lá os concertos dos últimos dias do festival. Por lá vão passar nomes como The Black Wizards (na foto), Quelle Dead Gazelle, Astrodome, Qer Dier, Big Red Panda, Fugly, Alek Rein, Acid Acid, Evols, Los Wilds, Clementine e Sun Blossoms. Os after-parties são garantidos no Praxis Club com DJ sets de Floresta Encantada (18 Nov) e A Boy Named Sue e Nunchuck (19 Nov). Nestes dois dias, durante a tarde, serão ainda exibidos documentários musicais da autoria de Eduardo Morais no Auditório Soror Mariana.

O dia inaugural funcionará em jeito de warm-up para os que seguem. Acontecerá na Sociedade Harmonia Eborense, com concertos de The Miami Flu e Dinozorg e ainda um DJ set de O Cão da Garagem. Consulta todo o cartaz e preços do Black Bass, aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published.