A violoncelista Julia Kent compensará neste mês de Novembro as duas datas que cancelou no passado mês de Maio em Lisboa e em Leiria.

Os argumentos são os mesmos que apresentámos há meses atrás:

Colaboradora, cordial instrumentista de Swans a Antony and the Johnsons, passando por Devendra Banhart, Norah Jones, Jarboe e Black Tape for a Blue Girl, a canadiana sediada em Nova Iorque coloca na capital os sons de Asperities (2015), classificado como um álbum «evocativamente negro» pela Mojo e «o mais completo trabalho de Julia até ao momento» pela Drowned in Sound.

Julia Kent vê agora remarcado o seu concerto de Lisboa para o próximo dia 16 de Novembro na St. George’s Church, a denominada Igreja dos Ingleses no Jardim da Estrela, com a primeira parte novamente a cargo do talento de Joana Guerra, agora já com o seu novo trabalho editado, Cavalos Vapor. A entrada tem o custo de 8 euros.

Já no dia seguinte é a vez do Museu de Leiria receber a violoncelista, sem primeira parte, num “Episódio Relâmpago” do Fade In Festival. A entrada para este concerto também custa 8 euros e é limitado a 100 pessoas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.