A “Brothers In Arms” tour, organizada pela banda Devil In Me, passou mais uma vez por Lisboa, desta vez com duas bandas internacionais, os Deez Nuts e os Lock & Key.

A noite começou com as bandas nacionais Challenge e Borderlands. Os Challenge com o seu punk hardcore mais rasgado conseguiram aquecer a plateia que de seguida recebeu os lisboetas Borderlands com um som bastante mais técnico, para os lados do metalcore. De seguida subiram ao palco os britânicos Lock & Key. É difícil de acreditar que a banda existe há menos de seis meses mas é a verdade. O vocalista, Richard, começou a banda depois da sua antiga banda, Odessa, terminar, e desde então ainda não pararam. Os britânicos que ainda só lançaram duas faixas tocaram um set bastante bem aceite pelo público (que naturalmente desconhecia a maioria dos temas) e descreveram o concerto como o melhor que já deram.

Pouco depois foi a vez dos australianos Deez Nuts tomarem o palco. O concerto começou com uma grande energia que a meio se perdeu mas no final renasceu. O vocalista JJ Peters agradeceu os singalongs devido ao facto de estar quase sem voz, algo que não prejudicou em nada a performance da banda. Temas como ‘Shot by Shot’ e ‘Stay True’ foram os pontos altos da noite. Já perto da meia-noite os Devil In Me entraram em palco com a pujança habitual fazendo mexer todos os presentes. A nova faixa, ‘Knowledge is Power’, foi bem acompanhada pelo público que a cantou com todos os pulmões e o ocasional stage dive. Músicas como ‘Brothers in Arms’ e ‘The End’ derrama festa por terminada.

Texto: Diogo Camacho
Fotografia: Manuel Casanova

Leave a Reply

Your email address will not be published.