POWER TRIP – “Manifest Decimation”

BandcampFacebook | last.fm

Power TripA nova onda de thrash, que trouxe nomes como Municipal Waste no estandarte, pode ser algo tarde para estes Power Trip se inserirem… mas a década que “Manifest Decimation” se separa de outros trabalhos não faz jus à recriação que este quinteto de Dallas consegue no disco de estreia.

São oito faixas dignas de circle pit com contornos a cheirar o crossover e o som pesado de uns Nuclear Assault acasalados a uns Cro-Mags nos já trintões anos 80. Riley Gale dá voz a um espectro de podridão e agressividade à moda antiga, com um paisagem bem suja ao fundo. Blake Ibanez e Nick Stewart protagonizam um conjunto de riffs e solos que não se devem encontrar muito atrás da qualidade média do thrash original, como Anthrax ou Exodus.  As vozes unidas invocam o espírito do hardcore, ideais para serem imitadas nas salas onde os Power Trip conseguirem chegar. A verdadeira alma de “Manifest Decimation”, no entanto, é a sua produção: o baixo está bem vivo nas suas linhas e a bateria tem uma força a roçar o genial, como se tivesse viajado trinta anos para nos devolver o seu som característico no género. A palavra para este disco é curta, mas a violência é imensa e é preferível oferecer este disco a quem se questiona do estado actual do crossover thrash sem tretas.

É entendida a aposta da Southern Lord Recordings que, embora com um nome algo dúbio, tem uma dizimação infernal para demonstrar.

// Nuno Bernardo

[one_half] Manifest Decimation
[/one_half] [one_half_last]

País
E.U.A.

Membros
Riley Gale – Voz
Blake Ibanez – Guitarra
Nick Stewart – Guitarra
Chris Whetzel – Baixo
Chris Ulsh – Bateria

Alinhamento
Manifest Decimation | Heretic’s Fork | Conditioned To Death | Murderer’s Row | Crossbreaker | Drown | Power Trip | The Hammer Of Doubt

[/one_half_last]

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.